Brasil reage contra a China, mas perde no tie-break

Por Saque Viagem - 06/09/2017 - 08h42 - São Paulo

Brasil e China  fizeram um jogo movimentado em Tóquio (Foto: Divulgação/FIVB)
 
Foram dois "Brasis" que enfrentaram a China, na madrugada dessa quarta-feira (6), em Tóquio (JAP). O primeiro, frágil, com problemas na recepção, sem um bom trabalho no saque e sem poder ofensivo, aceitou fácil o 25/20 e 25/12.
 
O segundo mostrou disposição de sobra para derrubar Zhu e companhia na segunda rodada da Copa dos Campeões. Com um serviço mais agressivo, as brasileiras complicaram a vida das chinesas. De quebra, o bloqueio exibiu a força de outras partidas.
 
Diante da melhora, o Brasil empurrou a disputa até o tie-break, fato imaginável diante dos dois primeiros sets fracos. Mas, apesar da evolução, a seleção acabou derrotada em 3 a 2, parciais de 25/20, 25/12, 20/25, 23/25 e 19/17. 
 
A oposta Tandara, como sempre, foi a maior pontuadora do lado verde-amarelo, com 23 acertos. Pela China, Zhu colocou no chão 33 bolas, atuação que fez da camisa 2 a artilheira da partida. 
 
Com a segunda vitória em dois jogos, a China se manteve líder da Copa dos Campeões, com cinco pontos ganhos. O Brasil, após a primeira derrota, aparece em segundo, com quatro tentos.
 
As duas seleções se deslocam agora para Nagoia, mais ao sul de Tóquio, onde disputam a reta final da Copa dos Campeões. Na sexta-feira (8), a partir das 7h15 (de Brasília), o time de Zé Roberto encara o Japão. A China, às 3h40, duela com a Coreia do Sul. 
 
 
 
 

ficha técnica

JOGO
O QUÊ
QUANDO
ONDE

TIMES

0
0
06/09/2017
0
0